Município de Caraúbas

Caraúbas é um município no estado do Rio Grande do Norte (Brasil), localizado na microrregião da Chapada do Apodi e na mesorregião do Oeste Potiguar, Região Nordeste. De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), no ano de 2016 sua população era estimada em 20 636 habitantes,[3] e a área territorial de aproximadamente 1 133 quilômetros quadrados, localizando-se a uma distância de 296 quilômetros da capital do estado, Natal.

História

O Capitão Leandro Bezerra Cavalcante, veio de Pernambuco, com a finalidade de fixar residência em no município atendendo um convite do tenente-General Francisco de Souza Falcão, entre 1760 e 1770, e lá instalou uma fazenda de gado. Em 1791, uma grande seca ameaçou exterminar o gado da região. Leandro da Cunha, devoto de São Sebastião, prometeu construir uma capela para o santo se surgisse água franca para a manutenção de sua fazenda. Cavando então um poço perto do riacho a água jorrou em abundância e nunca mais secou. A partir desse momento o poço passou a ser chamado de Poço de São Sebastião. Construída a capela, as romarias e as festas religiosas realizadas atraíam para o local grande número de fiéis, que vinham até mesmo dos mais distantes sertões e, como a fazenda de Leandro não tinha nome, todos diziam que estavam indo para as “Caraúbas”.

O distrito de Caraúbas foi criado pela Lei n°250, de 23 de Março de 1852 e elevado à freguesia pela Lei n°408, de 1 de Setembro de 1858. Em 5 de Março de 1868, através da Lei n°601, Caraúbas desmembrou-se de Apodi e tornou-se município do Rio Grande do Norte.[6]

O primeiro nome dado a Caraúbas foi Várzea das Caraúbas; depois os índios Payacus chamaram Carahu-mba (fruta da casaca negra) nome de uma árvore na linguagem indígena (tupy Guarany); logo após os tropeiros chamaram-na de Caraúbas, nome que passou ao Município e posteriormente à cidade.

As margens de um afluente do Rio Mossoró, eram tantas as Caraúbas que davam sobra e ostentava um cerne gigantesco que os viajantes, nas suas jornadas, marcavam sempre um ponto de descanso na várzea das Caraúbas, nome que passou a município e à cidade que hoje se ergue, com seu casario regular e bem tratado, no meio de extensos tabuleiros.

Com o crescimento da povoação foi criado o Distrito de Paz de Caraúbas no dia 23 de Março de 1852, pela Lei Provincial nº. 250, sendo instalado um Juizado de Paz, depois é que passou a Município e, mais tarde, a Cidade.

Pórtico de Caraúbas

Caraúbas possui um clima muito quente e semiárido, com precipitação pluviométrica de 734 mm/ano. Seu período chuvoso é de fevereiro a maio.

Este artigo foi baseado nos textos diponíveis na Wikipedia no artigo sobre Caraúbas, Sob a licença Creative Commons 3.0.